Investimento em Big Data: como saber se você está fazendo isso certo?

A avalanche de dados produzida diariamente em cada ação que realizamos no meio digital tem sido cada vez mais controlada pela tecnologia do Big Data. Graças a ele, a empresa é capaz de reunir e interpretar informações que podem ajudar a aumentar a produtividade da equipe, reduzir custos e garantir a competitividade do negócio no mercado.

As diversas possibilidades de aplicação do Big Data são importantes no mundo corporativo, mas sua credibilidade não para por aí. A tecnologia também já é aplicada em projetos de cidades, carros e casas inteligentes junto às ferramentas de machine learning.

Pelos motivos citados, o investimento em Big Data tem se tornado uma necessidade crescente. Mas como fazê-lo de forma planejada para que tudo saia como esperado? É isso que mostraremos a seguir. Acompanhe!

Onde o Big Data aparece?

O armazenamento e a análise de grandes volumes de dados já é uma realidade em vários segmentos do mercado. Do varejo à indústria automobilística, passando pela logística e pelo setor de serviços, a análise de dados tem ajudado a melhorar os processos nas mais diferentes áreas.

Analisar o passado para prever o futuro é a grande promessa da tecnologia, que ajuda a conseguir insights para aperfeiçoar e criar produtos e serviços. E mais: os dados obtidos com o auxílio das ferramentas de Big Data ainda permitem identificar ineficiências para reduzir custos e otimizar processos.

Por que fazer um investimento em Big Data?

Os dados precisam ser coletados, armazenados, processados e analisados para que tenham valor para as estratégias da companhia. Em geral, essas informações estão disponíveis em diferentes formatos (texto, áudio, vídeo e outros), e devido ao imenso volume, analisá-las manualmente é impossível.

É aí que entra a importância de contar com softwares específicos: só assim o Big Data será usado de forma eficiente para transformar os processos da companhia. Esses dados ajudam a criar produtos e elaborar ações de marketing de acordo com o perfil do público-alvo, o que reduz o desperdício de recursos.

As tomadas de decisão ficam mais fáceis quando consideram a análise dos problemas detectados no fluxo de trabalho da companhia. É por isso que, com o Big Data, elas se tornam mais precisas e, consequentemente, o risco de erros é menor.

Com insights melhores e tomadas de decisão aprimoradas, a organização naturalmente se posiciona à frente da concorrência. Isso porque as estratégias de negócio se tornam mais alinhadas às necessidades do público-alvo e garantem a vantagem competitiva da empresa.

Todo esse processo depende, ainda, da empresa usar as ferramentas certas de Business Intelligence (BI). São elas que garantem que a gestão de dados seja feita de maneira eficaz. É essencial, portanto, que a companhia avalie continuamente os resultados obtidos com o uso de BI para saber se está no rumo certo.

O Big Data ainda ajuda a organização a se tornar mais inovadora e criativa, usando as diversas possibilidades oferecidas pelos diferentes tipos de dados coletados.

E a recuperação de dados?

Investir em Big Data vai além de ter ferramentas e profissionais especializados. É preciso lembrar que a infraestrutura de armazenamento precisa ser continuamente monitorada para que se mantenha sempre o mais atualizada possível.

Além disso, a empresa precisa estar preparada para o caso de ter que se recuperar de um incidente. Afinal, com a dependência crescente desse volume avassalador de dados, a continuidade de negócios precisa ser garantida em casos extremos.

Para isso, é importante determinar quando a recuperação de desastres deve ser atualizada, de forma que os dados não corram riscos desnecessários. Esses custos devem ser previstos antecipadamente para que não corram o risco de serem cortados e impossibilitem a restauração do sistema quando necessário.

Todo esse processo precisa de uma boa estrutura para que funcione bem. É importante que a organização tenha fornecedores confiáveis como parceiros. A Buscar ID tem soluções de levantamento e análise de dados e pode ajudar sua empresa a se destacar no mercado com uma boa ferramenta.

Já está preparado para fazer um investimento em Big Data? Assine a nossa newsletter e fique sempre por dentro das novidades nessa área, sabendo de tudo em primeira mão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *